Vale do Minho
Abertura
Mapa do Concelho
Mapa da Vila
Contatos
Museus
Início Região Concelhos Património Lazer Tradição Onde Comer Onde Dormir

Património Edificado

Castelo de Monção: MN, desconhece-se a sua fundação, mas no reinado de D. Dinis foi edificada a barbacã, restando apenas um trecho voltado para o Rio Minho. Muralhas/Fortaleza de Monção: mandada erguer após a Guerra da Restauração, na 2ª metade do séc. XVII, tendo sido cortada em algumas partes para alargamento dos eixos viários e do caminho-de-ferro. Igreja Matriz de Monção: do séc. XIII, reformada nos séculos XVI e XVII, guarda o sarcófago de D. Vasco Marinho datado de 1521. A classificação de IIP abrange apenas a Capela de S. Sebastião, onde o santo está sepultado. Igreja da Misericórdia: de finais do séc. XVII, digna de visita pela talha dourada que apresenta no altar-mor, bem como o teto e as imagens de N. Sra. das Dores e Sr. dos Passos. Convento e Igreja de Santo António dos Capuchos: do séc. XVI, a igreja está classificada IIP. Praça Deu-La-Deu: em pleno coração da vila monçanense, também conhecida por Terreiro do Curro, tendo sido durante a época medieval e idade moderna local de realização da feira, ainda hoje é palco de inúmeros eventos. Casa do Curro: casa solarenga urbana dos séculos XVIII/XIX, alberga a Loja Interativa de Turismo, o Museu do Alvarinho, um Auditório e uma Sala de Exposições. Casa de Rodas: IIP, foi edificada pelos Pita Palhares Antas Marinho e pertence à mesma família desde sempre. Fonte da Vila: monumento manuelino. .
 
 

Castro de S. Caetano: MN, é um povoado típico da Idade do Ferro; Mosteiro (séc. XII/XIII) e Igreja de S. João de Longos Vales (séc. XVII): a capela-mor está classificada como MN; todos em Longos Vales. Santuário de Nossa Senhora dos Milagres: templo centenário, em Cambeses. Santuário do Senhor do Bonfim: localizado em Anhões, além de espaço sagrado, é um aprazível local de repouso. Mosteiro de Merufe: de origem românica, outrora refúgio de peregrinos a caminho de Santiago de Compostela. Igreja de Valadares: IIP, de fundação medieval, sofreu várias alterações ao longo dos tempos. Casa da Amiosa: IIP, é um bom exemplo de casa apalaçada e brasonada. Ambas em Valadares. Torre de Lapela: MN, a atual torre foi construída no séc. XIV. Palácio da Brejoeira: MN, do séc. XIX, constitui o expoente das moradias particulares edificadas no país. O casamento perfeito entre “património e alvarinho”, um espaço aberto a visitas em Pinheiros. Capela Aberta de S. Tiago: construção do séc. XVI e Ponte sobre o Rio Mouro: IIP, de origem romana, reformada na Idade Média, em Barbeita, onde se celebrou o acordo entre D. João I e o Duque de Lencastre.

Receba
as novidades
no seu e-mail
nome:
e-mail:
Vale do Minho Vale do Lima Vale do Cávado Vale do Ave e Terras de Basto
Contactos | Mapa do site
Copyright © 2008 A Nossa Terra. Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por: Direnor