Vale do Ave e Terras de Basto
Abertura
Mapa do Concelho
Mapa da Cidade
Museus
Contatos
Início Região Concelhos Património Lazer Tradição Onde Comer Onde Dormir

Património Edificado

Castro de Santo Ovídio: IIP, o mais conhecido sitio arqueológico do concelho com as referências ao povoado fortificado da Idade do Ferro / época romana. Igreja Matriz de Fafe: foi à volta deste templo medieval, reconstruído no séc. XVIII, que se desenvolveu o núcleo urbano. Este é dos mais antigos monumentos religiosos do concelho. No interior destaca-se um retábulo de talha rocócó. Igreja Nova de S. José: construção de linhas majestosas, a lembrar o gótico; no interior destacam-se diversos vitrais que retratam cenas do universo religioso. Teatro-Cinema: IIP, edifício de interesse histórico pela sua decoração interior e original frontaria. Casa de Santo Novo (Casa Municipal da Cultura): palácio de linhas horizontais, do séc. XIX, onde sobressai um elevado número de janelas e portas. Alberga o Museu das Migrações e das Comunidades. Casa de Santo Velho: IIP, construção do séc. XVII, onde são visíveis vários estilos. Casa dos Condes de Azevedo: casa rural brasonada, possui uma capela que ostenta um brasão do séc. XVIII.

Igreja e Torreão de S. Gens: situa-se na freguesia com o mesmo nome; no local onde hoje se ergue o templo, existiu na Idade Média um Mosteiro dos religiosos, que alguns autores afirmam ser beneditinos. Da primitiva construção românica resta apenas a porta lateral sul. Igreja de Nossa Senhora das Neves: situa-se na Lagoa, limites das freguesias de Várzea Cova e Aboim, é um templo medieval e local de importante peregrinação. Igreja Românica de Arões: MN, na freguesia de Arões S. Romão, é o único Monumento Nacional do concelho. É um belíssimo exemplar da arquitectura românica do noroeste peninsular, datável do séc. XIII. O tecto apresenta pinturas do séc. XVIII. Próximo deste local, a Casa da Arrochela (Arões S. Romão), IIP, construção provável do séc. XVII. Casa ou Solar da Luz: IIP, na freguesia de Fornelos; construção do séc. XVII/XVIII, é a mais representativa da aristocracia rural da região. No concelho existem ainda várias casas brasonadas: Casa e Quinta das Paredes em Medelo; Casa do Ermo em Passos (destaca-se pelas suas dimensões e localização); Casa das Cortes, em Armil; Casa da Ranha, em Quinchães; Casa da Felgueira, em Ribeiros e Casa do Souto, em Seidões. Ponte de Golães: também denominada Ponte do Barroco, ostenta a data de 792. Faz a ligação entre as freguesias de Golães e Fornelos.

Receba
as novidades
no seu e-mail
nome:
e-mail:
Vale do Minho Vale do Lima Vale do Cávado Vale do Ave e Terras de Basto
Contactos | Mapa do site
Copyright © 2008 A Nossa Terra. Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por: Direnor