Vale do Lima
Abertura
Mapa do Concelho
Mapa da Vila
Museus
Contatos
Início Região Concelhos Património Lazer Tradição Onde Comer Onde Dormir

Património Edificado

 

Ponte sobre o Rio Lima: MN, apenas utilizada por peões, é formada por dois troços, um romano, outro medieval. Torres de S. Paulo e da Cadeia: IIP, estas duas torres e o pequeno pano de muralhas existente entre elas são dos poucos vestígios que restam da muralha medieval. Hospital de S. João de Deus: IIP, o edifício é de 1659 e serviu inicialmente como local de acolhimento e tratamento dos soldados feridos na Guerra da Restauração (1640-1668), tendo conhecido posteriormente usos diversos. Paços do Concelho: o edifício original é do séc. XVI, embora tenha sofrido muitas intervenções. Pelourinho de Ponte de Lima: IIP, de construção manuelina. Chafariz do Largo de Camões: construído entre 1575 e 1603, de provável autoria de João Lopes, o moço. Biblioteca Municipal: acolheu, primitivamente, o edifício do hospital da Santa Casa da Misericórdia. Igreja Matriz: edifício do séc. XV, sobre uma construção anterior. Igreja da Misericórdia: IIP, o edifício atual foi reconstruído no séc. XVIII, embora a sua edificação remonte ao séc. XVI. Convento de Santo António (do séc. XV) e Igreja da Ordem Terceira: construção do séc. XVIII. Igreja de Nossa Senhora da Guia: IIP, construída no séc. XVII. Igreja da Lapa: construção do séc. XVIII. Capela de Nossa Senhora da Penha de França: IIP, mandada construir por João Lourenço, junto à antiga cadeia, para que os presos pudessem ouvir a missa. Capela do Anjo da Guarda: MN, do séc. XIII. Capela de Nossa Senhora da Misericórdia das Pereiras: construção de 1525, num local onde já existira uma pequena ermida. Sofreu várias intervenções ao longo dos tempos. Casas da Garrida (séc. XVIII), de Nossa Senhora da Aurora (construção setecentista), dos Calistos (séc. XVIII) e dos Barbosa Aranha (séc. XVII), todas classificadas IIP.

 

14 Marcos miliários da via Braga/Tui (classificados MN), Casa do Outeiro e de Pomarchão (ambas IIP), Igreja de Santa Marinha de Arcozelo (templo do séc. XII/XIII), todos em Arcozelo. Castros do Alto das Valadas, de Trás de Cidades e do Cresto (em Vitorino dos Piães) e do Formigoso (Estorãos), classificados IIP. Solar de Bertiandos (IIP, conjunto formado por uma torre quinhentista e um edifício de dois pisos, do séc. XVIII) e Pelourinho (IIP, miliário romano adaptado para o efeito no séc. XVIII), ambos em Bertiandos. Paços de Calheiros (solar do séc. XVII/XVIII, em Calheiros), de Vitorino (em Vitorino das Donas, edifício totalmente reconstruído no séc. XVIII) e de Corutêlo (solar fortificado, em Freixo). Todos estão classificados IIP. Casas do Cruzeiro (em Arca) e da Fonte da Bouça (em Vitorino das Donas), Casa e Quinta da Lage (S. Pedro de Arcos), classificadas IIP. Torre de Refóios, Mosteiro de Refóios do Lima e Capela de Santa Eulália, todos IIP, em Refóios do Lima. Santuários do Senhor do Socorro (templo do séc. XVIII, em Labruja) e de Nossa Senhora da Boa Morte (edifício do início do séc. XVIII, na Correlhã), ambos IIP. Igrejas de S. Martinho de Friastelas (conserva elementos românicos, do séc. XIII, em Friastelas), de S. João Baptista de Queijada (em Queijada) e de S. Salvador de Rebordões (templo românico, alterado no séc. XVIII, em Rebordões Souto). Todas estas igrejas estão classificadas IIP. Capelas de Santo Abdão (templo românico, do séc. XIII, na Correlhã) e de Moreira do Lima (em Moreira; normalmente atribuída ao período românico, embora haja quem a considere gótica). Ambas estão classificadas IIP. Cruzeiro de S. Pedro de Arcos: cruzeiro barroco, classificado IIP, em S. Pedro de Arcos. Cruzeiro no lugar da Pedrosa: IIP, do séc. XVIII, um dos melhores cruzeiros maneiristas do concelho, na Correlhã. Portal Nasoni: IIP, em Vitorino das Donas.

 

Receba
as novidades
no seu e-mail
nome:
e-mail:
Vale do Minho Vale do Lima Vale do Cávado Vale do Ave e Terras de Basto
Contactos | Mapa do site
Copyright © 2008 A Nossa Terra. Todos os Direitos Reservados Desenvolvido por: Direnor